Por que as melhores empresas do mercado brasileiro de bicicletas escolhem a Escola Park Tool?

O mercado é bastante competitivo e os clientes cada vez mais exigentes sempre buscando novidades, certo? E agora, qual é a solução? Na Escola Park Tool, primeira instituição especializada na capacitação de mecânicos de bicicleta da América Latina, a resposta é simples: parcerias.

Além de oferecer o melhor conteúdo e material para os alunos, a instituição ainda se preocupa a fazer o bem para o mercado de bicicleta, gerando uma competição construtiva dentro do setor de bicicleta. E não somos só nós que ficamos feliz, hein?

Bronet, Isapa, Gantech, Shimano e Focus são alguns exemplos dos parceiros que, segundo eles mesmos disseram, estão satisfeitos em trabalhar com a Escola Park Tool. Veja nos depoimentos abaixo:

Daniel Douek | diretor comercial da ISAPA: “A Escola Park Tool é um grande parceiro nosso. Com eles, nós temos uma forma de bem bacana de divulgação de nossos produtos. É uma instituição que quer profissionalizar o mercado e isso é bastante importante para todo o segmento. O relacionamento é muito bom”.

Valério Mantovani Lopes | gerente geral da Bronet, importadora das suspensões Fox: “Para nós, a parceria é muito útil. Estamos buscando pessoas que tenham competência técnica na formação de mecânicos para os produtos que nós vendemos: as suspensões Fox. Precisamos de alguém com boa formação para fazer boas manutenções, garantindo assim ao consumidor final uma excelente experiência de consumo”.

Claudinei de Souza | técnico da Shimano no Brasil, no fechamento a parceria entre Escola Park Tool e Shimano Fest: “O objetivo sempre foi valorizar o mecânico de bicicletas. Daí veio a ideia de contar com a Escola Park Tool. Sempre fomos parceiros e sabemos da qualidade do trabalho desenvolvido por eles”.

Ricardo Passarine | proprietário da Gantech Gancheiras: “A Escola Park Tool faz um trabalho muito bem reconhecido e respeitado. Escolhemos basicamente pela credibilidade. Muitos de nossos clientes elogiam o curso da Escola Park Tool”.

Halysson Ferreira | atual campeão brasileiro de mountain bike e atleta da Focus XC Team Brasil: “A equipe de mecânicos da Escola Park Tool foi atenciosa, organizada, ágil e assertiva no trabalho. Usavam as ferramentas certas e atendiam prontamente. Corresponderam a todas as minhas expectativas”.

Pedro Reis | coordenador de marketing da Focus Brasil: “Os alunos da Escola Park Tool são totalmente capacitados para fazer qualquer tipo de manutenção na bicicleta dos nossos atletas. Temos total confiança no desempenho deles”.

Alexandre Sena | representante comercial da Intac, distribuidor oficial da SR Suntour no Brasil: “A metodologia, estrutura, didática e conteúdo da Escola Park Tool são muito bons. O que pude ver foi muito enriquecedor. Saí de lá sabendo muito mais do que quando entrei. Com certeza, irei indicar este curso para todos os meus clientes”.

Entre no site www.escolaparktool.com.br ou veja no Facebook www.facebook.com/escolaparktool.

O que o ciclista procura no mecânico de bicicletas?

Conhecimento? Organização? Atendimento de qualidade? Agilidade? Confiança? O que o ciclista procura na hora de contratar os serviços de um mecânico de bicicletas? A Escola Park Tool, primeira instituição especializada na formação e capacitação desses profissionais, fez essa pergunta para grandes influenciadores do meio bike.

Quer saber quais foram as respostas? Veja abaixo:

img_9115

. Cadu Polazzo, técnico da Seleção Brasileira de Mountain Bike: “eu procuro um profissional que tenha conhecimento completo sobre toda a mecânica da bicicleta. Esse é um passo muito importante. Um bom mecânico também procura ensinar coisas básicas para o ciclista conseguir se virar no meio da trilha. Seria muito legal o mecânico ensinar uma coisa nova a cada visita à oficina. Instruções como trocar um pneu ou ajustar o freio, que são informações de mecânica básica para que o ciclista tenha autonomia durante o pedal”.

fabio-miyata

Foto: Fábio Miyata/Reprodução/Facebook

. Willian Cruz, editor do site Vá de Bike: “o principal é o profissional não tentar me enrolar, pois aí eu perco a confiança para sempre e nunca mais volto na oficina. E isso tanto em termos de não conseguir resolver, quanto de inventar problema para tentar ganhar mais dinheiro. Por outro lado, sinceridade me fideliza. Errar todo mundo erra, mas é preciso admitir e resolver se for o caso”.

ney-evangelista

Foto: Ney Evangelista/Reprodução/Facebook

. Rafael Oliveira, editor da revista Ride Bike: “um bom mecânico tem que transmitir confiança sem ficar empurrando serviços. E ter o cuidado necessário para mexer com um equipamento tão valioso. O conhecimento é a base para ele poder deixar a bike em perfeito estado. Além disso, me avisar quando chegar a hora de trocar peças como por exemplo: ‘Olha, sua corrente já está no limite, então sugiro pedalar mais alguns quilômetros e depois trocar para não danificar o cassete, coroa e roldanas. Fazendo isso, além de economizar, você vai manter o rendimento do equipamento sempre bom’”.

formatfactorylais_saes006

Foto: Murilo Rezende/Seppia Geração de Conteúdo

Lais Saes, atleta Scott de mountain bike: “o mecânico de bicicletas deve ser detalhista e acima de tudo ter consciência do que está fazendo. Ele deve estar sempre se especializando nas novas tecnologias, pois o mercado lança uma peça nova a cada dia ou aperfeiçoa algo que já existe. É fundamental que o mecânico acompanhe essas mudanças. Ele não pode ser um profissional que simplesmente lava a bicicleta. Ele deve conhecer e gostar do que faz”.

Capacitação e qualificação

Para dar mais qualidade e credibilidade ao mecânico de bicicletas, a Escola Park Tool conta com mais de 10 módulos diferentes disponíveis em sua grade. Lembrando que, no Brasil, ela é a única instituição que possui reconhecimento internacional em sua formação. Saiba mais

Entre no site www.escolaparktool.com.br ou veja no Facebook www.facebook.com/escolaparktool.

Escola Park Tool oferece conteúdo exclusivo e inédito sobre gancheiras

A Escola Park Tool, primeira instituição especializada na formação de mecânicos de bicicleta da América Latina, fechou uma parceria com a Gantech Gancheiras que vai ampliar ainda mais o conteúdo dado em sala de aula. As duas empresas trabalharão juntas para oferecer toda informação possível sobre as quase esquecidas e indispensáveis gancheiras da bike – de manutenção a tecnologia.

11698759_987344654658920_1736583912910041216_o

Gancheira da Gantech, nova parceira da Escola Park Tool

“Nós vimos que muitos clientes tinham dificuldades na instalação, reparos ou trocas das gancheiras nas bicicletas e ligavam para o nosso suporte. Como a demanda era grande, nós decidimos ampliar o acesso à essas informações. Foi aí que entramos em contato com a Escola Park Tool” diz Ricardo Passarine, proprietário da Gantech Gancheiras.

Como a maioria dos ciclistas já sabe, as gancheiras são fundamentais, pois têm a função de evitar danos maiores ou irreversíveis ao quadro, à corrente ou câmbio traseiro. Porém, todos sabem como fazer a manutenção correta do equipamento? A Gantech encontrou na Escola Park Tool a solução para ampliar o alcance dessa expertise.

whatsapp-image-2016-10-27-at-17-01-03

Gancheiras da Gantech nas bicicletas da Escola Park Tool

“Passamos todas as informações e o material necessário para orientar os alunos sobre o uso e manutenção das gancheiras. Dessa maneira, todos os alunos já sairiam da escola com o conhecimento necessário sobre o produto. A Escola Park Tool faz um trabalho muito bem reconhecido e respeitado. Escolhemos basicamente pela credibilidade. Muitos de nossos clientes elogiam o curso da Escola Park Tool, finaliza Passarine.

As gancheiras da Gantech estão nas bicicletas usadas nas aulas práticas da escola. O conteúdo sobre elas será disponibilizado nos módulos Intermediário, Avançado e Relação.

Quer saber mais sobre os cursos da Escola Park Tool? Entre no site www.escolaparktool.com.br ou veja no Facebook www.facebook.com/escolaparktool.

Aumenta procura de mulheres por capacitação em mecânica de bicicleta

Primeira escola especializada na formação e capacitação de mecânicos de bicicletas na América Latina, a Escola Park Tool registrou nesse ano um aumento no número de mulheres que procuraram o curso em relação a 2015. Segundo dados da própria escola, a quantidade de apaixonadas por bicicleta interessadas na qualificação em mecânica de bicicleta cresceu em torno de 40%.

Entre as alunas formadas pela Escola Park Tool está Fabiana Tubino, 33. Cicloativista e Bike Anjo, Fabiana nasceu em São Paulo-SP. Hoje ela mora em Recife-PE onde tem planos de inaugurar sua própria oficina especializada em mecânica de bicicleta em breve.

bike-anjo

Hoje mecânica de bicicleta, Fabiana Tubino já trabalhou como Bike Anjo em São Paulo-SP

“Cheguei à escola por indicação de outras amigas. Fiz todos os módulos e posso afirmar que o curso da Escola Park Tool é muito completo. Quando terminei, a primeira vantagem foi a independência, pois aprendi a fazer as manutenções sozinha. Depois, quando comecei a trabalhar com mecânica de bicicleta, percebi o quanto o curso dava credibilidade”, conta a profissional.

Na prática

Depois de adquirir experiência em dois lugares (trabalhando numa oficina em Moema, bairro da capital paulista, e em uma loja na capital recifense), Fabiana se sente preparada para dar um passo maior.

“Em Moema fiquei uma semana abrindo e fechando a loja. O estágio fazia parte da grade da escola e lá aprendi que não é preciso força para fazer manutenção, e sim jeito. Se forçar é porque está fazendo errado. Quando cheguei a Recife, tinha pouca experiência. Foi quando fui à Reciclobike, que é uma loja com duas sócias mulheres, e me deu uma oportunidade. Depois dessas experiências, finalmente vou abrir minha própria oficina no final desse mês”, analisa Fabiana.

20 anos de bicicleta

Outro exemplo de mulher que entrou no ramo de mecânica de bicicleta é a mineira Andressa Carvalho, 34, que mora em Ouro Preto-MG. Depois de 20 anos de sua vida dedicados à bicicleta, Andressa encontrou na Escola Park Tool o caminho para trabalhar com o que sempre sonhou.

eu-cb-2

Andressa Carvalho na sua oficina mecânica de bicicletas em Minas Gerais

“Conheci a escolha há alguns anos por um amigo. Quando fiquei sabendo, meu desejo se tornou ainda maior. Eu não sabia da existência de uma escola que ensinava a ser o que eu sempre quis ser. Aprendi tudo o que eu precisava para começar meu próprio negócio. A experiência e a atenção dos profissionais da escola me fizeram enxergar que estava no caminho certo”, diz Andressa.

Cursos disponíveis

 Tanto para homens, quanto para mulheres, a Escola Park Tool conta com mais de 10 módulos diferentes disponíveis em sua grade. Lembrando que, no Brasil, ela é a única instituição que possui reconhecimento internacional em sua formação. Saiba mais

4 motivos para participar do desafio de mecânica no Shimano Fest

O Shimano Fest 2016 começa na próxima semana – de 22 a 25 de setembro – e com ele o desafio de mecânicos organizado pela Escola Park Tool, a primeira instituição da América Latina especializada na capacitação em mecânica de bicicleta.

Separamos quatro motivos que vão te convencer a encarar um dos concursos mais emocionantes do evento. Veja só:

1- Conhecimento à prova

Concluiu os 10 módulos da Escola Park Tool necessários para participar do desafio, certo? Agora o seu conhecimento, sua assertividade e agilidade serão colocados à prova! Os participantes precisarão montar, regular ou dar manutenção em peças ou relações da Shimano durante o desafio. Para tirar possíveis empates, os inscritos terão de responder perguntas técnicas do S-TEC.

2- Aprendizado

Mais do que realizar a manutenção do jeito certo, o participante deverá terminar o que estará fazendo no tempo determinado pela organização. A pressão será bem maior do que na oficina e isso poderá, inclusive, ensinar o profissional a ser mais ágil no dia a dia.

3- Premiação

Serão quase R$ 15 mil em prêmios. Os três primeiros colocados serão premiados com kits de ferramentas oficial da Park Tool. O grande vencedor levará para casa o PK-2 da marca norte-americana, com valor aproximado em R$ 8.500. O segundo ganhará um kit AK-2 (R$ 3.200) e o terceiro um SK-2 (R$ 1.200).

4- Visibilidade

Já imaginou a visibilidade de um grande evento como o Shimano Fest? Some à dimensão que o desafio de mecânicos alcançou. A proporção de um evento como a final entre os melhores competidores será acompanhada de perto pela maioria do público presente. E mostrar o que sabe para dezenas de pessoas é o mais efetivo meio para o mecânico de bicicletas divulgar seu trabalho.

Gostou?

Ainda dá tempo de garantir seu lugar na disputa. É só clicar no link e fazer sua inscrição.

Fique de olho no hotsite e saiba tudo o que vai rolar no Shimano Fest 2016.

Entre no site www.escolaparktool.com.br ou veja no Facebook www.facebook.com/escolaparktool.

Desconto, certificação e tecnologia de ponta: veja as vantagens de fazer curso de suspensão Fox na Escola Park Tool

Ganhar descontos na compra de produtos, tornar-se um revendedor oficial, fazer aulas com suspensões de alta tecnologia e receber a certificação de assistência técnica oficial da Fox. Essas são algumas das vantagens disponíveis para os profissionais do setor que fizerem na Escola Park Tool (líder em mecânica de bicicleta) o curso da marca líder em design e desenvolvimento de suspensões de alta performance para bicicletas no Brasil.

Escola Park Tool e FOX

fox 32

A confirmação da parceria entre a Escola Park Tool e a Fox dá autorização à instituição para ministrar aulas teóricas e práticas sobre as suspensões da marca norte-americana. E um grande diferencial: cada aluno terá em mãos uma suspensão para trabalhar (modelo mais novo disponível no mercado), além de receber o melhor e mais atualizado conteúdo do setor.

“Nosso curso é o mais atualizado do mercado. Este ano, fizemos um intensivo da Fox nos Estados Unidos. Enviamos um representante da escola para aprender a fazer a manutenção correta do equipamento da melhor maneira possível. Temos um profissional altamente capacitado e atualizado para ministrar esse curso”, comenta Henrique Zompero, idealizador e fundador da primeira Escola Park Tool da América Latina.

32-sc-gallery-10

Vantagens exclusivas para lojistas

O curso tem vantagens específicas para lojistas ou mecânicos que atuam em bike shops no Brasil: estes alunos poderão adquirir as peças originais da Fox direto com o distribuidor (Bronet do Brasil), com direito a 10% de desconto no primeiro pedido. Além disso, ele receberá uma identificação visual de revenda autorizada e assistência técnica da marca, comprovando sua certificação.

Sobre o curso

Com duração de 9 horas, o módulo inclui prática com montagem e desmontagem da suspensão. Haverá explicação sobre as peças, os principais problemas que podem surgir, como solucioná-los e demonstração da forma correta de regulagem o sistema de travas. O aluno vai aprender a efetuar a troca de componentes, como explicar ao cliente sobre a hora certa de efetuar a manutenção do sistema. Mais informações no link.

Quer saber mais sobre os cursos da Escola Park Tool (instituição de mecânica de bicicleta)? Entre no site www.escolaparktool.com.br ou veja no Facebook www.facebook.com/escolaparktool.

Belo Horizonte recebe novas turmas de curso para mecânicos de bicicleta

Belo Horizonte-MG recebe nos meses de agosto e setembro cinco novas turmas para os cursos básicos de mecânica de bicicletas. As aulas são ministradas pelos profissionais da Escola Park Tool, a maior especialista na formação e capacitação de mecânicos de bicicleta do Brasil. Serão duas turmas Iniciantes, duas turmas para o nível Intermediário e uma para o Avançado. As inscrições podem ser feitas pelo site http://escolaparktool.com.br/cursos-mecanica-bicicleta/.

Os três módulos disponíveis na capital mineira formam o curso Básico da Escola e têm dois focos: ciclistas amadores e profissionais que já atuam no mercado, mas buscam qualificação. Durante o curso, é possível aprender a fazer a manutenção preventiva da própria bicicleta, além de também capacitar para pequenos reparos.

Durante as aulas, os alunos terão uma visão geral sobre vários temas relacionados à conservação da bicicleta – além de colocarem a mão na massa em serviços como remendo de pneus e corrente, freios e ajustes de transmissão. Quem fizer os três módulos, por exemplo, estará apto a reparar bicicletas com propriedade – seja como profissão ou por lazer.

Confira as turmas e as cargas horárias disponíveis na unidade Belo Horizonte:

06/08

Iniciante | duração: 7 horas (ESGOTADO)

Neste módulo o aluno tem uma visão geral de vários temas relacionados à manutenção da bicicleta. Ideal para quem quer conhecer e aprender mais sobre manutenção, já que nossa ênfase é o reconhecimento do problema e na forma correta de fazer a limpeza da bike – contando inclusive com apresentações práticas.

07/08

Intermediário | duração: 10 horas

Neste módulo são contemplados temas fundamentais da mecânica de bicicleta: os alunos montarão a relação da bicicleta, partindo desde o movimento central até os câmbios e trocadores, aprenderão sobre pneus tubeless e conhecerão um cubo por dentro. Tudo com explicações detalhadas. É importante ter uma noção dos tópicos ensinados no módulo iniciante.

03 e 04/09

Avançado | duração: 18 horas

Aqui os alunos irão trabalhar minuciosamente na bicicleta utilizando as melhores ferramentas. No módulo Avançado os alunos irão, por exemplo, desmontar o cubo e a caixa de direção. Durante a aula, terão que resolver problemas práticos sem serem avisados como deverão agir.

17/09

Iniciante | duração: 7 horas

Neste módulo o aluno tem uma visão geral de vários temas relacionados à manutenção da bicicleta. Ideal para quem quer conhecer e aprender mais sobre manutenção de bikes, já que nossa ênfase é o reconhecimento do problema e na forma correta de fazer a limpeza da bicicleta – contando inclusive com apresentações práticas.

18/09

Intermediário | duração: 10 horas

Neste módulo são contemplados temas fundamentais da mecânica de bicicleta: os alunos montarão a relação da bicicleta, partindo desde o movimento central até os câmbios e trocadores, aprenderão sobre pneus tubeless e conhecerão um cubo por dentro. Tudo com explicações detalhadas. É importante ter uma noção dos tópicos ensinados no módulo iniciante.

Quer saber mais sobre os cursos da Escola Park Tool? Entre no site www.escolaparktool.com.br ou veja no Facebook www.facebook.com/escolaparktool.

5 lugares onde tem Escola Park Tool e você não sabia

6 países do mundo, 17 estados brasileiros, competições e ciclofaixas de lazer. Onde tem um serviço de qualidade prestado em mecânica de bicicletas, lá está um profissional qualificado e capacitado pela Escola Park Tool, a primeira instituição especializada na formação profissional de mecânico de bicicletas.

Veja os lugares onde você pode encontrar a Escola Park Tool – seja por meio dos serviços dos mecânicos – além da nossa unidade ao lado do Parque do Ibirapuera:

Nas ciclovias de São Paulo-SP

Você sabia? Os mecânicos que auxiliam os ciclistas nas ciclofaixas de lazer pela capital paulista foram capacitados pela Escola Park Tool. Então, sempre que for pedalar pela cidade aos finais de semana e precisar de ajuda, pode contar com o auxílio desses profissionais. Eles são capacitados pelo módulo Iniciante do nosso curso para mecânicos de bicicleta.

E em outros 16 estados brasileiros

Alagoas, Amazonas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiânia, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul Santa Catarina e São Paulo – além do Distrito Federal.

Todos esses estados possuem alunos formados e capacitados pelo curso de mecânica da Escola Park Tool trabalhando como mecânicos de bicicletas.

“Depois que voltei de São Paulo, consegui reestruturar a oficina e comecei de verdade o trabalho. Não tenho dúvidas que o curso só me fez aprender mais e crescer profissionalmente”, conta Leonardo Amante, ex-aluno que abriu sua própria oficina em Recife-PE.

Em Sidney, na Austrália

Na Escola Park Tool, a certificação é internacional. Ou seja, o seu diploma de mecânico de bicicletas vale em qualquer país do mundo. Essa qualificação permitiu que Rodrigo Notaro, ex-aluno da escola, abrisse sua oficina na terra do canguru.

“Trabalho três vezes por semana. Mesmo assim uso muito o conhecimento que adquiri na Escola Park Tool não só no meu trabalho, mas também todos os dias nas bicicletas que monto ou conserto”, contou.

E outros 5 países do mundo

Estados Unidos, Austrália, Nova Zelândia, Paraguai, Inglaterra e Irlanda são outras nações em que atuam ex-alunos da Escola Park Tool.

Na Copa Internacional de Mountain Bike 2016

A Escola Park Tool é responsável pela manutenção das bicicletas dos atletas da equipe Focus XC Team Brasil durante as principais provas do ano. Logo, os profissionais e um aluno da instituição estiveram presentes na etapa inicial da competição, em Araxá-MG.

“Gostei muito do trabalho feito por eles. A equipe de mecânicos da Escola Park Tool foi extremamente atenciosa, organizada, ágil e assertiva no trabalho. Usavam as ferramentas certas e atendiam prontamente. Corresponderam todas as minhas expectativas. Tenho certeza que as próximas vezes que nos encontrarmos será ainda melhor”, palavras do atual campeão brasileiro de mountain bike, Halysson Ferreira.

Gostou? Então, fique de olho nas novidades da Escola Park Tool! Entre no site www.escolaparktool.com.br ou veja no Facebook www.facebook.com/escolaparktool.

 

 

Especialização: curso de suspensão está entre os mais procurados por mecânicos de bicicleta

Com objetivo de oferecer o melhor conteúdo especializado na manutenção das suspensões Manitou, a parceria entre Escola Park Tool e Isapa tornou-se um sucesso. O novo módulo já conta com mais de 40 alunos capacitados de diferentes estados do Brasil em pouco mais de dois meses disponível na grade curricular da escola.

FAÇA AQUI SUA INSCRIÇÃO PARA O CURSO DE SUSPENSÃO MANITOU

“Nosso objetivo era descentralizar o serviço de manutenção das suspensões e estamos muito satisfeitos. Notamos que a procura por treinamento diminuiu tanto por parte de profissionais, quanto dos ciclistas. É mais difícil alguém nos procurar pedindo informações sobre cursos de suspensão Manitou, pois o acesso que o ciclista tem à manutenção ficou muito mais fácil. É só procurar um mecânico próximo que seja capacitado e fazer os reparos necessários”, comentou Leonardo Wellington, responsável pelo setor técnico da Isapa.

Gabriel Scotti: 1 dos 40 alunos capacitados

Um dos alunos formados no módulo da Escola Park Tool, Gabriel Scotti, de Caxias do Sul-RS, acredita que o conteúdo foi fundamental para que ele abrisse sua própria oficina: a On Adventure. Impressionado com o material das aulas, Gabriel pretende levar o conhecimento sobre a Manitou que aprendeu para os ciclistas da sua cidade.

“Achei o curso e a suspensão muito interessantes. É tudo muito prático. Para quem não tinha tanto conhecimento como eu, foi fundamental para entender como funciona. A suspensão é excelente. Com a formação correta como eu tive, é muito simples de trabalhar com ela. Como o pessoal aqui na minha região não conhece muito as suspensões Manitou, quero muito fazer com que os ciclistas aqui comecem a utilizá-la”, disse o empreendedor e fundador da oficina On Adventure.

Capacitação e qualificação

Para Henrique Zompero, idealizador e fundador da primeira Escola Park Tool na América Latina, o conteúdo passado durante o módulo de suspensões Manitou é um diferencial para o mecânico de bicicletas.

“Quando começamos o curso nosso objetivo era capacitar os profissionais para fazer a manutenção de forma consciente. Com a parceria da Isapa, pudemos disponibilizar aos nossos alunos um conteúdo de qualidade, utilizando os melhores produtos. Estamos muito felizes com esse resultado e tenho certeza que a busca por esse tipo de conhecimento será ainda maior nos próximos meses”, analisou.

Com 7 horas de duração, o módulo de suspensões Manitou segue como obrigatório e está incluso na grade de formação profissional, porém ele também é disponibilizado separadamente. Interessados poderão fazer sua matrícula no link.

Quer saber mais sobre os cursos da Escola Park Tool? Entre no site www.escolaparktool.com.br ou veja no Facebook www.facebook.com/escolaparktool.

Na prática: 3 hábitos de sucesso para mecânicos de bicicletas

Todo profissional, independente do segmento que atua, pode vir a se deparar com alguns vícios na rotina do seu trabalho. Com o mecânico de bicicletas não é diferente. Normalmente os que se destacam são aqueles mais atentos a essas “manias”. Eles acabam fugindo dessa rotina, buscando novos conhecimentos até conseguirem oferecer um atendimento individualizado, de acordo com a necessidade de cada cliente.

Essa busca pela perfeição no serviço prestado é que faz a diferença. Isso é o que passamos aos alunos da Escola Park Tool. Um dos pilares do conteúdo apresentado nos nossos cursos vai além da qualificação e certificação. É despertar nos alunos hábitos que vão diferenciá-los dos demais profissionais do segmento. Separamos 3 deles. Veja abaixo:

1- Organização

Parece simples, mas manter uma oficina organizada pode ser um grande diferencial para o mecânico de bicicletas.

Em primeiro lugar, porque um local de trabalho em ordem é capaz de encher os olhos de possíveis clientes. Afinal, uma oficina com as ferramentas em seus devidos lugares mostra que o profissional que ali atua também organizado. Em segundo lugar, por dar mais agilidade ao trabalho. Afinal, fica muito mais fácil achar uma ferramenta dentro da oficina se ela estiver no lugar certo.

Uma boa dica é procurar um especialista em arquitetura ou design de interiores para ajudar a otimizar e organizar o espaço de trabalho.

Leia mais: ESCOLA PARK TOOL OFERECE SERVIÇO DE CONSULTORIA AOS ALUNOS

2- Limpeza

Limpeza é complementar e tão importante quanto a organização. Além de motivar o profissional, manter um local de trabalho limpo é um verdadeiro cartão de visitas para um mecânico de bicicletas. Limpeza significa cuidado. Ao chegar na oficina e ver tudo limpo e organizado, o ciclista não terá dúvidas: “esse profissional vai cuidar bem da minha bicicleta”.

Por isso, limpe sempre tudo o que você usou no final do dia. Não só as ferramentas, mas também o espaço. Mecânicos de bicicletas existem muitos por aí, mas um com conhecimento qualificado, limpeza e organização não é tão fácil de achar. Esses podem ser os seus diferenciais.

3- Avaliação

Confiança. Isso é o que um ciclista procura num mecânico de bicicletas. Exatamente por isso, o processo de avaliação do problema na bicicleta é tão importante quanto os outros tópicos acima. Ao apresentar o diagnóstico seja claro, direto e explique o que aconteceu e quais serão as medidas a serem tomadas para fazer o reparo.

Se possível, além de mostrar onde está o problema, oriente sobre possíveis manutenções preventivas. Mostre clareza e deixe claro que o seu objetivo não é vender os produtos na loja e sim encontrar a solução para o cliente. Dessa maneira, você conquistará a fidelidade daquele que procura seus serviços.

Gostou? Então, fique de olho nas novidades da Escola Park Tool! Entre no site www.escolaparktool.com.br ou veja no Facebook www.facebook.com/escolaparktool.