Escola Park Tool e Shimano Fest juntas no Desafio de Mecânica 2017

Está confirmado: Escola Park Tool e Shimano estarão lado a lado na organização do Desafio de Mecânica de Bicicletas 2017. Depois do sucesso de 2016, a primeira escola da América Latina especializada na capacitação de mecânicos de bicicleta e a multinacional japonesa renovaram a parceria.

“A Shimano está sempre presente quando o assunto é bicicleta. Temos feito ao logo dos anos parcerias com empresas que têm o mesmo propósito: fomentar e promover o reconhecimento da importância do uso da bicicleta. Utilizando experiências anteriores, o Desafio Técnico 2017 renova com a Escola ParkTool para juntos trazerem novidades e contemplarem o profissional de mecânica. Com o desafio, o Shimamo Fest fica ainda mais completo e podemos oferecer a cada ano o que temos de melhor”, afirma Claudinei de Souza, técnico da Shimano no Brasil.

Em 2016, a Escola Park Tool assumiu pela primeira vez a organização do desafio. Ao todo foram 3 fases eliminatórias com mais de 12 participantes. A final foi de tirar o fôlego. Tudo isso até o vencedor alcançar o sonhado prêmio. Um kit PK-2 da Park Tool, com valor aproximado em R$ 8.500, e um cavalete oferecido pela DMD Bikes.

14566377_1436843782995675_6049297549104118277_o

Marcos Bustamante, da Gamaia Esporte, durante o Desafio de Mecânica de Bicicleta no Shimano Fest 2016

Mas o que vem pela frente em 2017? Henrique Zompero, fundador e idealizador da Escola Park Tool no Brasil responde:

“Esse ano nós queremos ir além de entregar um kit excelente e completo de ferramentas. Nós queremos valorizar o profissional oferecendo diferentes tipos de experiências. Não dá para cravar nada, pois ainda é cedo para isso. Mas posso garantir que o nosso objetivo está dentro desse contexto”, disse Zompero.

O atual campeão do desafio é Marcos Thiago Bustamante, mecânico de bicicletas na loja Gamaia Esportes, em São José dos Campos-SP. Ele ainda leva o título. Agora, com a edição 2017 confirmada, mecânicos de todo o Brasil terão a chance de estar entre os melhores.

Mais um grande espetáculo que promete tirar o fôlego do público na Shimano Fest 2017.

Quer saber mais sobre os cursos da Escola Park Tool? Entre no site www.escolaparktool.com.br ou veja no Facebook www.facebook.com/escolaparktool.

 

Shock traseiro Fox: Escola Park Tool lança curso inédito no Brasil

A Escola Park Tool apresenta um novo módulo na sua grade: especialização em shock traseiro Fox. Inédito no Brasil, o curso é bastante específico e visa a oferecer aos mecânicos, lojistas e profissionais do mercado de bicicletas uma nova capacitação e qualificação no segmento. A previsão de lançamento do módulo é janeiro de 2017.

“Fizemos uma pesquisa e verificamos que as marcas trazem as bicicletas com suspensão para o Brasil, mas não têm profissionais certificados aqui no país para oferecer a assistência técnica que o consumidor precisa. Atualmente existem poucas pessoas aptas para fazer as revisões recomendadas pelo fabricante”, comenta Henrique Zompero, idealizador da Escola Park Tool, primeira instituição especializada na formação de mecânicos de bicicleta da América Latina.

Ao todo serão 18 horas de aulas teóricas e práticas. Para Zompero, essa é a oportunidade para os profissionais do mercado que já contam com a formação de suspensão dianteira ampliar sua capacitação. O resultado é um mercado com profissionais mais qualificados e com maior conhecimento em diferentes peças das bikes.

Shock traseiro Fox aberto

Aprenda cada detalhe do shock traseiro Fox

“A nossa ideia é fazer crescer o número de pontos de trabalho onde são realizadas essas manutenções. Hoje temos quase 70 lojas com certificado para fazer manutenção em suspensão dianteira. Queremos que essas mesmas 70 lojas se tornem centro de referência para manutenção de shock traseiro”, disse Zompero.

Aulas tecnológicas

Durante o curso que será ministrado no Brasil, um componente de alta tecnologia estará a serviço dos alunos. Trata-se de um aplicativo desenvolvido especialmente para ajuste em suspensões iRD eletrônicas. Chamado Fox – Intelligent Ride Dynamics, o app será um diferencial para quem for aprender mais sobre os amortecedores traseiros. Zompero, inclusive, participou do curso sobre o assunto ministrado pela Fox na Interbike 2016.

Os interessados já podem conferir a pré-inscrição e os valores a serem investidos na capacitação direto no link.

O que procurar numa escola de mecânicos de bicicletas?

O sucesso profissional é algo mutável e variável. Cada pessoa busca a felicidade de uma maneira, seja pela condição financeira, por trabalhar com o que gosta ou pela qualidade de vida. Se você é um apaixonado por bikes e sonha ter tudo isso, a carreira de mecânico pode ser uma opção. Já pensou em ingressar numa escola de mecânicos de bicicletas.

Num mercado cada vez mais exigente, empatia, capacitação e competência são características que podem fazer muita diferença. Mas e agora, por onde começo? Não se preocupe. Separamos 5 dicas do que procurar numa escola de mecânicos de bicicletas para lhe ajudar nessa empreitada. Veja abaixo:

1- Estrutura

São 500 m² disponíveis para os alunos, espaço suficiente para duas salas de aula, copa, cozinha, bancadas de trabalho e ainda uma área de lazer para arejar um pouco entre as aulas. Uma estrutura que já formou mais de 4.500 alunos ao redor do mundo. Quer saber mais? Veja o texto que fizemos com todos os números da instituição.

escola-park-tool001

2- Preparação teórica e prática

Cursos de suspensões com as melhores opções do mercado (Fox, SR Suntour, X Fusion, Rock Shox, e Manitou*), aulas sobre freio hidráulico, canote hidráulico, rodas, relação, grupo eletrônico di2 da Shimano e cubo de marcha interno, por exemplo. Conteúdo que vai do amador ao profissional em que os alunos recebem toda a base teórica para depois encarar a parte prática. E mais: eles encaram mais de 40 horas de estágio em oficinas ou lojas para aprender na prática como é a rotina de um negócio.

*A escola de mecânicos de bicicletas, Escola Park Tool, é única instituição da América Latina com instrutores com capacitação internacional. Seguimos padrões internacionais de ensino e ferramental atualizado (ano 2017).

3- Material de trabalho

São mais de 1.800 ferramentas disponíveis para os alunos. Sabe o que isso significa? Pode trabalhar individualmente sem ficar revezando. Nas aulas de suspensões e rodas, por exemplo, cada aluno tem o seu item de trabalho em sala. Nas aulas em que vai trabalhar com a bicicleta inteira, as atividades são feitas em duplas. Na Escola Park Tool, o aluno está sempre aprendendo e nunca fica parado.

escola-park-tool004

Afinal, de que adianta o conhecimento teórico sem ferramentas de trabalho, certo?

4- Oportunidade de começar

É a única escola de mecânicos de bicicletas com uma agência de emprego virtual formatada exclusivamente para o mercado. Qualquer empresa do segmento, seja ela loja, distribuidora, importadora, fabricante ou mídia, pode cadastrar sua vaga no site e qualquer profissional cadastrado pode encontrar uma vaga ou oportunidade de trabalho. Para saber mais, acesse o link.

5- Construir uma carreira trabalhando com o que se gosta

Qual é a procura do mercado por um mecânico capacitado? Como está a situação para tentar começar meu próprio negócio? Quanto ganha um mecânico de bicicletas capacitado hoje? Sugerimos ideias de negócios, consultoria, parcerias para que a formação e tudo o que o aluno aprendeu não se perca. Mais do que um ex-aluno, nosso objetivo é criar uma rede de colaboradores que evoluam junto com o mercado e criem novas oportunidades.

escola-park-tool003

Gostou? Todos esses tópicos são trabalho da Escola Park Tool. Percebeu como ela pode mudar a sua vida profissional na prática?

Aqui funciona assim: entregar o diploma, apertar a mão do aluno e desejar boa sorte não é o suficiente. É preciso acompanha-lo para que ele abra portas para novos profissionais. Não basta falar que é a melhor, é preciso fazer o melhor. Isso é mudança.

Entre no site www.escolaparktool.com.br ou veja no Facebook www.facebook.com/escolaparktool.

5 lugares onde tem Escola Park Tool e você não sabia

6 países do mundo, 17 estados brasileiros, competições e ciclofaixas de lazer. Onde tem um serviço de qualidade prestado em mecânica de bicicletas, lá está um profissional qualificado e capacitado pela Escola Park Tool, a primeira instituição especializada na formação profissional de mecânico de bicicletas.

Veja os lugares onde você pode encontrar a Escola Park Tool – seja por meio dos serviços dos mecânicos – além da nossa unidade ao lado do Parque do Ibirapuera:

Nas ciclovias de São Paulo-SP

Você sabia? Os mecânicos que auxiliam os ciclistas nas ciclofaixas de lazer pela capital paulista foram capacitados pela Escola Park Tool. Então, sempre que for pedalar pela cidade aos finais de semana e precisar de ajuda, pode contar com o auxílio desses profissionais. Eles são capacitados pelo módulo Iniciante do nosso curso para mecânicos de bicicleta.

E em outros 16 estados brasileiros

Alagoas, Amazonas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiânia, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul Santa Catarina e São Paulo – além do Distrito Federal.

Todos esses estados possuem alunos formados e capacitados pelo curso de mecânica da Escola Park Tool trabalhando como mecânicos de bicicletas.

“Depois que voltei de São Paulo, consegui reestruturar a oficina e comecei de verdade o trabalho. Não tenho dúvidas que o curso só me fez aprender mais e crescer profissionalmente”, conta Leonardo Amante, ex-aluno que abriu sua própria oficina em Recife-PE.

Em Sidney, na Austrália

Na Escola Park Tool, a certificação é internacional. Ou seja, o seu diploma de mecânico de bicicletas vale em qualquer país do mundo. Essa qualificação permitiu que Rodrigo Notaro, ex-aluno da escola, abrisse sua oficina na terra do canguru.

“Trabalho três vezes por semana. Mesmo assim uso muito o conhecimento que adquiri na Escola Park Tool não só no meu trabalho, mas também todos os dias nas bicicletas que monto ou conserto”, contou.

E outros 5 países do mundo

Estados Unidos, Austrália, Nova Zelândia, Paraguai, Inglaterra e Irlanda são outras nações em que atuam ex-alunos da Escola Park Tool.

Na Copa Internacional de Mountain Bike 2016

A Escola Park Tool é responsável pela manutenção das bicicletas dos atletas da equipe Focus XC Team Brasil durante as principais provas do ano. Logo, os profissionais e um aluno da instituição estiveram presentes na etapa inicial da competição, em Araxá-MG.

“Gostei muito do trabalho feito por eles. A equipe de mecânicos da Escola Park Tool foi extremamente atenciosa, organizada, ágil e assertiva no trabalho. Usavam as ferramentas certas e atendiam prontamente. Corresponderam todas as minhas expectativas. Tenho certeza que as próximas vezes que nos encontrarmos será ainda melhor”, palavras do atual campeão brasileiro de mountain bike, Halysson Ferreira.

Gostou? Então, fique de olho nas novidades da Escola Park Tool! Entre no site www.escolaparktool.com.br ou veja no Facebook www.facebook.com/escolaparktool.

 

 

Mais 5 motivos para fazer os cursos da Escola Park Tool

A mesma pergunta: “por que fazer os cursos de capacitação e qualificação em mecânica de bicicletas da Escola Park Tool?”, com novas respostas.

Vamos seguir o modelo do último texto com depoimentos de ex-alunos e parceiros – tem até atleta campeão nacional. Eles fazem parte da nossa história e também merecem esse espaço. Está curioso para ver os novos motivos? Então, veja abaixo:

Halysson Ferreira | atual campeão brasileiro de mountain bike e atleta da Focus XC Team Brasil

“Na primeira etapa da Copa Internacional de MTB, a equipe de mecânicos da Escola Park Tool foi extremamente atenciosa, organizada, ágil e assertiva no trabalho. Usavam as ferramentas certas e atendiam prontamente. Corresponderam a todas as minhas expectativas. Tenho certeza que as próximas vezes que nos encontrarmos será ainda melhor”.

Leonardo Wellington | responsável pelo setor técnico da Isapa

“Estar vinculado à uma instituição como a Escola Park Tool, sempre em evidência e associado a mecânicos qualificados e capacitados, é muito bom para a Manitou e para a Isapa”.

Eriston dos Santos | ex-aluno, mecânico e sócio da Vento a Favor Ciclo Café, em São Paulo-SP

“O que dá credibilidade ao mecânico é o cliente ver experiência e conhecimento. Quando fiz o curso da Escola Park Tool aprendi a atender melhor. Não basta você chegar e arrumar a bicicleta dele. Você precisa dar o diagnóstico e, se possível, avisá-lo antes de um problema maior acontecer como pastilhas de freio, corrente, cabo, etc”.

Gabriel Scotti | ex-aluno e fundador da oficina On Adventure, em Caxias do Sul-RS

“Achei todos os cursos bastante interessantes. O que mais gostei foi o módulo sobre as suspensões da Manitou. Além dos alunos serem bem assessorados, o conteúdo é sempre muito bem colocado e as aulas são muito práticas. Isso faz com que todos entendam melhor os temas. A escola me deu uma ótima base para eu abrir a minha própria oficina”.

Henrique Zompero | idealizador e fundador da Escola Park Tool na América Latina

“Queremos sempre oferecer aos alunos o melhor conteúdo que estiver ao nosso alcance. Nosso ideal é sempre prepará-los da melhor forma possível para o mercado, deixando todos os nossos alunos atualizados, o que é um importante diferencial no mercado de trabalho”.

Gostou? Então, fique de olho nas novidades da Escola Park Tool! Entre no site www.escolaparktool.com.br ou veja no Facebook www.facebook.com/escolaparktool.

Escola Park Tool lança novo curso para mecânicos de bicicleta

Especialista na formação e capacitação de mecânicos de bicicleta, a Escola Park Tool abriu um novo curso na sua grade: a especialização na manutenção de suspensões Manitou da Isapa.

Com 7 horas de duração, o módulo é obrigatório e está incluso na grade de formação profissional, porém ele também será disponibilizado separadamente. Os interessados em fazer sua matrícula devem acessar o link.

“Nosso objetivo é capacitar os mecânicos a fazer a manutenção da suspensão de forma consciente. Com o auxílio e parceria da Isapa podemos oferecer conteúdo de qualidade utilizando os melhores produtos”, comenta Henrique Zompero, fundador da Escola Park Tool no Brasil.

640146193845357236915a37a2
Escola Park Tool e Isapa

Essa é a segunda parceria entre Isapa e a Escola Park Tool. No ano passado, a empresa e a instituição fizeram juntas um módulo especializado no uso das graxas de bicicleta PM 600. O retorno positivo por parte dos alunos foi fundamental para concretizar esse novo trabalho.

“Nós vamos descentralizar o serviço de manutenção das suspensões, o que será muito melhor para os ciclistas. Por exemplo, um consumidor de Minas Gerais não vai precisar mandar sua suspensão para a Isapa e esperar uma semana para resolver o problema. Ele pode procurar um mecânico formado na Escola Park Tool no seu estado ou na sua cidade e fazer os reparos necessários. Isso vai facilitar o serviço e o atendimento ao cliente. Isso sem falar na divulgação do produto que a escola oferece”, afirma Leonardo Wellington, responsável pelo setor técnico da Isapa.

Quer saber mais sobre os cursos da Escola Park Tool? Entre no site www.escolaparktool.com.br ou veja no Facebook www.facebook.com/escolaparktool.

Perto do Ibirapuera, Escola Park Tool inaugura nova unidade

A Escola Park Tool inaugurou oficialmente nessa quinta (3) a sua nova unidade. Com a participação de alunos, ex-alunos, lojistas, parceiros, jornalistas e outros profissionais do mercado, o lançamento da nova Escola Park Tool foi um sucesso. E mais: mais um passo dado na busca pela profissionalização e capacitação dos mecânicos de bicicleta.

“Foi muito positivo. Tivemos a chance de reencontrar amigos e fazer contatos com pessoas importantes que vão ajudar nos próximos passos da escola. Com certeza nos ajudou a mostrar a profissionalização e a organização para os alunos e as pessoas ligadas ao segmento”, analisa Henrique Zompero, fundador da Escola Park Tool no Brasil.

Perto do Ibirapuera, Escola Park Tool inaugura nova unidade equipamentos

A nova unidade fica na Rua Sargento José Espessoto, nº 25, no bairro da Vila Mariana, em São Paulo-SP. A Escola Park Tool está próxima do Parque do Ibirapuera e a cerca de 15 minutos de caminhada partindo do Metrô Ana Rosa, estação das linhas Verde e Azul do metrô.

Quer saber mais sobre a Escola Park Tool? Entre no site www.escolaparktool.com.br ou veja tudo na página do Facebook www.facebook.com/escolaparktool.

Dica da Escola Park Tool: o que checar na bike antes do pedal?

Capacete, mochila, carteira e celular. O carro fica na garagem. Tudo pronto para pegar a bicicleta e ir embora. Será mesmo? Antes de subir na magrela é preciso conferir detalhes importantes como pneus, freios e alinhamento, mas por onde começo?

Separamos QUATRO DICAS que podem ajudar na preparação da sua bike antes de encarar o trajeto. Um hábito simples e rápido que, se feito da maneira correta, não leva mais do que 5 minutos e faz toda diferença. Portanto antes de pedalar, não se esqueça de:

Checar a calibragem do pneu: Pneus muito cheios não aderem na curva e deixam a desejar no amortecimento. Já os murchos podem causar danos nos aros das rodas, além de aumentar a possibilidade de furos. Agora convenhamos: trocar um pneu dá muito mais trabalho do que calibrá-lo, certo?

Por isso, cheque sua calibragem. A quantidade correta de ar está descrita logo ao lado do pneu. Basta seguir as nossas dicas e ficar atento às informações do fabricante.

Testar os freios: Se os freios não estiverem em ordem, o ciclista corre grande risco durante o pedal. O processo vai dos manetes no guidão, passa pela pressão dos cabos até chegar às sapatas de borracha. Essas últimas se estiverem ressacadas ou rachadas, devem ser trocadas. O mesmo vale caso estejam desgastadas (espessura de menos de ½ polegada).

Conferir a corrente: A corrente deve estar sempre lubrificada por um óleo especial. Uma dica: Muc-Off! É referência no mercado. Se pensar em usar óleo de cozinha, Singer ou WD-40 pare! Não seja louco! Pedale com segurança. Isso vai evitar danos na bike em situações que envolvem lama, chuva ou maresia, além de reduzir o desgaste excessivo dos pneus.

E as marchas? Estão ajustadas? (se você tem bike fixa, ignore este tópico :)) Dependendo da cidade, não tem jeito: é preciso ter uma bicicleta de marcha. Em São Paulo, por exemplo, há muitas subidas e descidas, e elas são fundamentais. Verificar se elas estão funcionando direitinho vai evitar quedas e problemas na corrente. Fique de olho!

Tudo pronto, agora vem a melhor parte: pedalar. Se quiser uma orientação mais detalhada sobre como deixar a sua bike perfeita, fale com a gente. Nós da Escola Park Tool teremos a maior satisfação em recebê-lo nos nossos cursos