Guia de cicloturismo: quais ferramentas levar em viagens curtas, viagens longas e travessias

Roteiros curtos, longos ou grandes travessias, não importa: cicloturismo, a melhor coisa que você pode levar é o conhecimento. Antes de tudo, a preparação e estudo da sua cicloviagem. Estar preparado e capacitado para pedalar longas distâncias e por vários dias, traçando um roteiro das cidades que irá passar serão grandes diferenciais durante a sua viagem. As paradas estratégicas tornarão sua viagem mais tranquila. Confira abaixo algumas dicas que irão ajudar muito no seu planejamento.

Monte um cronograma para fazer a manutenção da sua bicicleta

Uma boa viagem de bicicleta começa sempre pelo planejamento. No cicloturismo, então, planejar é se precaver. A principal dica é decidir previamente o roteiro da sua viagem e traçar um verdadeiro cronograma para realizar manutenções e ajustes na sua bicicleta.

Este roteiro de manutenção vai ajudar a aliviar o peso da sua bagagem. Ao dedicar algumas horas para buscar mecânicos profissionais e bem capacitados nas regiões que você irá passar, você evita que sua bicicleta tenha um maior desgaste. Mas procure sempre alguém realmente capacitado, que entenda as necessidades para resolver seus problemas e que tenha conhecimento comprovado sobre as indicações dos fabricantes.

Lembre-se: sua bike terá um uso contínuo e extremo, sendo muito necessária a lavagem e limpeza corretas dela para continuar funcionando bem.

Leve ferramentas estratégicas que não sejam muito pesadas

Durante uma cicloviagem você está sujeito a problemas, e isso é normal. O pneu pode furar, a corrente pode desencaixar e por aí vai. Por isso é interessante e essencial você montar um kit de emergência para praticar o cicloturismo:

  • Canivente multifunções: práticos, leves e muito funcionais, são capazes de sanar problemas emergenciais
  • Espátula para pneus: será muito útil nas emergências, para retirar o pneu da bicicleta e trocar a câmara;
  • Lubrificante para corrente: um tubinho de aproximadamente 60ml, além de leve e ocupar pouco espaço, é suficiente para lubrificar a corrente e eliminar a sujeira durante a cicloviagem;
  • Remendo para câmara e pneus: indispensável em qualquer saída para evitar que o pedal seja interrompido;
  • Bomba de mão para pneus: uma hora você vai precisar calibrar os pneus – lembre-se sempre de checar a calibragem correta, geralmente informada no próprio pneu;

Pergunta: é preciso levar manchão de pneus, cabos e pastilhas para os freios e outras ferramentas?

A verdade é que se o cronograma e planejamento para manutenções forem bem feitos, você não irá precisar de nada a mais, além destes 5 itens acima. Estes já serão suficientes para você ter a autonomia e realizar reparos e ajustes mais emergenciais, desde que, claro, você esteja capacitado para tais tarefas.

Capacite-se, busque conhecimento sobre a bike antes de praticar o cicloturismo

Se o conhecimento é o grande diferencial para praticar cicloturismo, a Escola Park Tool oferece diversos cursos de mecânica de bicicletas que promovem a capacitação dos ciclistas. Com foco na teoria e, principalmente, na prática, é possível entender e compreender a importância da manutenção preventiva para aumentar a vida útil da bike e seus componentes, assim como cada parte da bicicleta funciona, qual ferramenta é indicada para determinado ajuste, entre outras coisas.

*Publicada originalmente no Bike Magazine

*Foto: Israel Coifman/Lifelapse

Saiba o que checar na sua bicicleta antes de uma cicloviagem

Realizar uma cicloviagem é sensação de liberdade, de descobrimento – mas não é só isso. Para evitar contratempos, é importante estar preparado e ter alguns cuidados especiais para preparar a bicicleta para um longo percurso. Compreender o seu funcionamento e entender a função de cada componente da sua companheira, assim como as ferramentas certas para cada situação, é essencial para poder aproveitar a cicloviagem ao máximo.

Neste texto, vou apresentar alguns pontos que podem ajudar muito em uma cicloviagem.

Entender como funciona sua bicicleta é o primeiro passo para evitar problemas

Não importa o que você faça, conhecimento sobre determinado assunto é sempre importante. Quando o assunto é cicloturismo, não é diferente. Aos mais experientes e principalmente aos novatos da prática, sabemos que problemas durante as pedaladas são corriqueiros e não temos como fugir. Quando você está numa cicloviagem, então, as chances deles acontecerem são ainda maiores.

Mas não é nada que você não possa estar preparado. É possível estar capacitado para não ficar na mão e se livrar dos problemas assim que eles acontecerem, como trocar corretamente a câmara do pneu, uma gancheira, ajustar os freios, etc.

É necessário compreender o funcionamento integral da bicicleta e ter uma outra visão sobre ela. Entender os procedimentos de troca e ajustes, ler o manual das peças e componentes são tão importantes quanto saber pedalar na subida.

Manutenção preventiva salva o pedal e a sua bicicleta

Você já deve ter ouvido falar da manutenção preventiva. Embora muita gente não dê a atenção necessária a este processo, ele é importantíssimo para preservar o estado da bicicleta, e promover uma vida mais longa as suas peças e componentes.

Ao limpar corretamente sua bicicleta – o melhor é fazer uma lavagem a seco, utilizando um desengraxante biodegradável próprio para bikes, pedaços de pano de algodão, escova de dentes e pinceis para limpar a corrente, por exemplo -, retirando corretamente as rodas, você pode higienizar a corrente e os cassetes para evitar que a transmissão seja prejudicada.

Quem não sabe por onde começar e como se preparar para uma cicloviagem, uma dica interessante é realizar um curso de mecânica para iniciantes que, entre outras coisas, vai agregar conhecimento ao ciclista sobre sua bicicleta. São diversos cursos para iniciantes, amadores ou profissionais, para quem deseja compreender o básico da bicicleta e até para quem prefere se aprofundar no assunto, aumentando o seu conhecimento e podendo aplicá-lo profissionalmente.

Onde fazer cursos

Temas como montagem e desmontagem, a correta limpeza de peças, uso ideal de diversas ferramentas e a tal manutenção preventiva são abordados e preparam qualquer ciclista para cicloviagens, e até o pedal do dia a dia. Tudo o que você precisa saber sobre mecânica de bicicletas você encontra na Escola Park Tool.

Portanto, se você vai pegar a estrada e pedalar por aí, sozinho ou em grupo, lembre-se sempre de planejar o roteiro, checar referências com outros ciclistas e, claro, estar preparado para cuidar do seu maior bem durante a cicloviagem: a bicicleta.

 

Este texto foi publicado originalmente na Bike Magazine.