Pedalar nas férias: como receber mais demanda na oficina de bicicleta

As férias escolares estão chegando e com elas o período de alta demanda em uma oficina de bicicleta. Isso porque, na busca por diversão, muita gente vai optar por deixar o carro em casa. E, assim, tirar a magrela da garagem para curtir um parque, as ciclovias ou ciclofaixas com a família. É um período muito gostoso. A bike vai além de meio de transporte no dia a dia. Ela assume a posição de fiel companheira na hora de curtir com as crianças, amigos e até viajar.

E como nós da Escola Park Tool recomendamos e até já fizemos um post no blog falando sobre o tema, antes de pegar a bicicleta nas férias, todo ciclista deve fazer uma revisão com seu mecânico de confiança.

Mas como o mecânico ou lojista está se preparando para receber essa demanda? O que fazer para garantir um atendimento rápido, mas sem deixar cair a qualidade?

Bom, a primeira medida que você precisa adotar é o planejamento. Com ele, o lojista ou mecânico consegue prever o que está por vir e apontar os caminhos para atravessar esse período de alta demanda sem perder clientes. Pergunte-se:

 

– Qual foi a demanda que você recebeu no mesmo período no ano passado?

– E a expectativa para esse ano?

– Eu tenho mão de obra e ferramentas suficientes para receber?

– Quanto eu tenho para investir, sem me arriscar demais?

 

Como em toda empresa, o planejamento vai clarear as ideias e organizar suas estratégias. Se precisará de mais colaboradores ou vai aumentar a jornada daqueles que já estão com você, lembre-se desse segundo passo: valorização. Afinal, uma equipe de confiança é a base para o crescimento de qualquer negócio.

Uma conversa individualizada mostrando o quanto seus colaboradores serão importantes nesse momento delicado, ser honesto quanto ao papel dele na equipe e valorizá-lo não só financeiramente, mas também com capacitação e conhecimento é o caminho ideal para extrair o máximo potencial daqueles que trabalham com você. Dessa maneira, o atendimento será da melhor qualidade, tornando-se uma referência no mercado.

O terceiro passo é conhecer os limites. Evite investimentos exagerados e, como costumamos dizer, “matar mosquito com tiro de canhão”. O planejamento na oficina de bicicleta vai ajudá-lo na direção certa. O que vai diminuir a chance de você gastar demais. Esse período é importante, pois investindo da maneira correta, o lojista ou dono da oficina pode aproveitar uma situação que seria delicada para transformá-la numa oportunidade de crescimento.

Essas foram algumas dicas básicas de gestão do seu negócio. Na correria do dia a dia na oficina de bicicleta, a gente pode acabar esquecendo. Mas se quiser se especializar, a Escola Park Tool fez uma parceria com Sebrae-SP que oferece uma gama completa de conhecimentos.

Quer saber mais? Fique de olho no nosso Facebook e no Instagram. Você vai poder conferir fotos, vídeos, notícias e todas as informações da primeira escola de mecânica de bicicleta da América Latina.

 

A Escola Park Tool está no Brasil desde 2013 e já formou mais de 2.000 alunos. O curso possui dez módulos diferentes e todos eles funcionam para ciclistas amadores, lojistas do mercado de bicicletas e mecânicos interessados em qualificação profissional. É um curso moderno e totalmente alinhado com as novas tecnologias do mercado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *